fpef1

O acto de lançamento do Fundo de Promoção do Emprego e da Formação (FPEF) realizou-se no dia 29 de Agosto em cerimónia presidida pelo Senhor Primeiro-Ministro, José Maria Neves, tendo contado com a presença da Senhora Ministra da Juventude, Emprego e Desenvolvimento dos Recursos Humanos, Janira H. Almada.

 

O Primeiro-Ministro considerou este passo fundamental para a estratégia do Governo de efectivação dos vários «clusters» perspectivados na visão da Agenda de Transformação do país em um centro internacional prestador de serviços nas mais diversas áreas. Salientou que é preciso formar mão-de-obra qualificada para aproveitar as muitas oportunidades que vão surgindo com a dinamização de novos sectores de actividades, no âmbito da referida Agenda.

 

Enfatizou a importância do FPEF, cujo objectivo é financiar a formação profissional, “dando melhores condições aos jovens cabo-verdianos, para que possam aproveitar as oportunidades que vão surgindo, nomeadamente, em domínios como o Agro-negócio, no domínio do mar, das energias renováveis economias criativas e outras ligadas aos clusters”.

 

Mais do que isso, o Dr. José Maria Neves realçou ser “fundamental” o Fundo “apoiar os Centros de Formação e as pessoas colectivas que queiram desenvolver acções de formação em Cabo Verde”, visto que, para além de financiar bolsas de estudos e iniciativas individuais, procura também “apoiar as escolas no desenvolvimento de cursos, dar bolsas de estudos, sempre com a preocupação de dar suporte aos alunos mais carenciados e que queiram ter uma formação e obter um emprego”.

 

A iniciativa, sublinha ainda o Primeiro Ministro, “é fundamental para conseguirmos construir um país competitivo e moderno”, realçando a estratégia do Governo que tem a ver com criação de uma maior dinâmica de crescimento da economia para fazer face à crise e promover mais postos de trabalho e maior empregabilidade, sobretudo dos jovens. “Queremos criar dinâmicas de crescimento e maior número de empregos possível em Cabo Verde”, refere.

 

Na oportunidade recordou ainda outras acções lançadas nos últimos tempos nesta mesma linha de fundos de facilitação do acesso a financiamento por parte de estudantes universitários e destacou os vários centros recentemente construídos, nomeadamente o Centro de Formação em Hidroponia, os centros de formação e transformação de produtos agrícolas nas ilhas de Santiago e Santo Antão, o Centro de Formação em Energias Renováveis (em fase adiantada de construção), Escola Nacional de Hotelaria e Turismo e outros centros de formação profissional.

 

O Fundo nasce com um capital social de 80 mil contos e será gerido em parceria com o «Novo Banco».

 

 

Portuguese English French Italian Spanish

Publicações Facebook

Atendimento

 
Copyright © 2019 FPEF - Fundo de Promoção do Emprego e da Formação. Todos os Direitos reservados.
Design By MSN