Inauguração das Unidades do Projeto -Turismo e Comunidades de Santo Antão | #FPEF

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Fundo de Promoção do Emprego e da Formação (FPEF) anuncia que decorrerá o evento de inauguração das unidades do “Projeto Turismo e Comunidades de Santo Antão”, no dia 22 de junho no Planalto Norte às 9h30, seguido de cerimónias simbólicas de descerramento de placa em cada Unidade que decorre de 22 de junho (à tarde) até 26 de junho, nos 3 concelhos da ilha de Santo Antão. 

O ato central será presidido pelo Sr. Presidente da Associação dos Municípios de Santo Antão, Dr. Aníbal Fonseca e contará com a presença do Sr. Encarregado de Negócios da Embaixada do Luxemburgo em Cabo Verde, Dr. Thomas Barbancey. Sendo que o descerramento de placa em cada Unidade será presidido pelo respectivo Presidente de Câmara Municipal, na presença dos demais parceiros do projeto.

O projeto Turismo e Comunidades de Santo Antão surgiu em 2018, na sequência de uma iniciativa do Programa Emprego e Empregabilidade (CVE/081) da Cooperação Luxemburguesa visando promover iniciativas locais de emprego no âmbito do Turismo Rural de base comunitária, beneficiando Associações Comunitárias de Desenvolvimento da ilha de Santo Antão.

Este projeto foi elaborado com base na premissa de que o turismo pode ser um elemento de reconversão e dinamização económica e social da ilha de Santo Antão, através da promoção de um desenvolvimento económico equilibrado, harmonioso e ecologicamente sustentável, mediante um aproveitamento racional dos recursos endógenos.

Para a sua operacionalização, o Programa Emprego e Empregabilidade (CVE/081) delegou recursos ao Fundo de Promoção do Emprego e da Formação (FPEF), para o financiamento das Unidades de negócios das associações comunitárias e promoveu uma parceria bem sucedida com as Câmaras Municipais dos três concelhos da ilha, que co-finaciaram alguns projetos, bem como com a Escola de Hotelaria e Turismo de Cabo Verde que assegurou formação on-the-job e assistência técnica especializada às Unidades.

Promover o empoderamento das Associações Comunitárias da ilha de Santo Antão para que possam se posicionar como verdadeiros agentes promotores do emprego local e parceiros de excelência das entidades públicas, com responsabilidade na matéria, constituiu desde a fase de formatação do projeto um dos seus principais objetivos. Como resultado foi constituída a “Rede do Turismo e Comunidades da ilha de Santo Antão” composta por 10 Unidades de restauração e alojamento rural, distribuídas de forma equilibradas pelos 3 concelhos da ilha